Acentuação Gráfica

Você, certamente, já deve ter se deparado com um erro muito comum que consiste em acentuar a letra U no final das palavras. Quem nunca viu as palavras perU, cajU, PacaembU, urubU com acento agudo no U?
Embora muitas vezes essas palavras apareçam com acento agudo, isso não é correto.Segundo a regra de acentuação da língua portuguesa, as palavras oxítonas (aquelas com a última sílaba forte) só são acentuadas quando terminam em A, E e O (seguidas ou não de S) e as terminadas em EM e ENS.
Perceba que as palavras oxítonas terminadas em U e I não constam dessa regra.Acentuamos graficamente sofá, sabiá, atrás, lilás, pois terminam em A ou AS. E também: café, você, chinês, porque terminam em E ou ES. E cipó, avô, após, porque terminam em O ou OS.E como exemplo das terminadas em EM e ENS, podemos citar: alguém e parabéns.
E se o Jau quiser acentuar o U final de seu nome, argumentando que o nome é dela e ela põe o acento onde quiser? Bom, nesse caso, explique a ele que os nomes próprios também devem obedecer âs regras de acentuação. E, portanto, por ser uma palavra oxítona terminada em U, o nome Jau não deveria receber acento agudo.

Dia Mundial da Educação

Neste dia simbólico ,gostaria de deixar uma mensagem do nosso querido Rubem Braga para relfexão(e assim fico eu aqui também,refletindo):

“Há escolas que são gaiolas e há escolas que são asas.
Escolas que são gaiolas existem para que os pássaros desaprendam a arte do vôo ,pássaros engaiolados são pássaros sob controle ,engaiolados, o seu dono pode levá-los para onde quiser. Pássaros engaiolados sempre têm um dono ,deixaram de ser pássaros porque a essência dos pássaros é o vôo.

Escolas que são asas não amam pássaros engaiolados , o que elas amam são pássaros em vôo ,existem para dar aos pássaros coragem para voar ,ensinar o vôo, isso elas não podem fazer, porque o vôo já nasce dentro dos pássaros. O vôo não pode ser ensinado ,só pode ser encorajado.”

A matemática sob outro olhar

Você é um dos estudantes que não suporta números e sente muita dificuldade com a matemática?
Vamos tentar olhar ela de outro modo,primeiramente,sugiro levantar a bandeira branca,sabemos que ela não te atrai ,tudo bem ,mas você é esperto para compreender e assumir que precisamos dela diariamente ,afinal ,quando pagamos um artigo que compramos precisamos fazer a conta do custo/benefício disso ,do valor que vamos pagar a mais num financiamento ,num cálculo de porcentagem(juros e desconto) ,enfim ,poderíamos abordar nesse texto somente as situações importantes do nosso cotidiano que precisamos da matemática e seus cálculos,mas essa não é a mensagem do texto.
Bem,que tal abrir mão do medo ,da resistência e da aversão â matemática somente por alguns minutos enquanto você estiver tentando entender um novo ou velho conteúdo que não conseguiu absorver ,entenda que no momento em que você nega o raciocínio lógico â sua mente ,você fecha toda e qualquer possibilidade do processo cognitivo(aprendizagem e desenvolvimento),aceite e ponto!Simples assim ,seja prático ,você precisa dela!
Ademais , entenda também que enquanto você perder tempo demonstrando distanciamento da matemática isso só irá te prejudicar(dificuldade no trabalho ,notas baixas,recuperação e ,numa pior hipótese ,reprovação de ano letivo),então peça ajuda a um professor ,a um amigo ,leia e releia o exercício ou procure até uma aula particular mas não deixe que isso vire um monstro e um trauma em sua vida.
Não se limite,tudo bem que pode ser que você não vá se apaixonar pela tal da matemática ,mas absorva o necessário para isso não te prejudicar pois dominar o conteúdo vai melhorar sua motivação para o estudo e autoestima ,pois quem não quer obter um bom resultado nas provas?!
Portanto ,tente visualizar o que está sendo dito no enunciado ,isso ajuda você a compreender os temas ,não adianta querer aplicar uma fórmula sem saber como ela foi desenvolvida e para o quê exatamente ela serve.
Tente sempre entender o contexto das equações e visualizar os problemas oferecidos pelos exercícios. Boa sorte!